TIPOS DE TORTURAS USADAS DURANTE A DITADURA MILITAR

FONTE:

http://www.historiadigital.org/historia-do-brasil/brasil-republica/ditadura-militar/10-torturas-da-ditadura-militar/

 

As torturas utilizadas no Brasil durante a ditadura militar, têm uma estreita ligação com técnicas desenvolvidas através de experimentos como os do Projeto Mkultra. Essas técnicas foram trazidas para o Brasil  pelos militares e agentes policiais que freqüentaram a Escola das Américas.

Vários membros da força policial brasileira e militares foram treinados por especialistas em tortura que vieram para o Brasil com o objetivo de difundir os métodos e meios de interrogatório compilados pela CIA. Foi o caso do conhecido Dan Mitrione

A recente liberação pelo governo americano de uma lista parcial de nomes de participantes nos treinamentos da Escola revelou também o fato de que militares brasileiros treinaram e participaram de tortura, inclusive no Chile.

No Brasil foi instalado  o Centro de Instrução de Guerra na Selva (CIGS), em Manaus, comandado pelo general francês Paul Aussaresses, promotor do uso da tortura na guerra colonial da Argélia.

O GIGS foi criado por oficiais brasileiros formados na Escola das Américas.

1- Pau-de-Arara

Pau-de-Arara consistia numa barra de ferro que era atravessada entre os punhos amarrados e a dobra do joelho, sendo o conjunto colocado entre duas mesas, ficando o corpo do torturado pendurado a cerca de 20 ou 30 centímetros do solo. Este método quase nunca era utilizado isoladamente, seus complementos normais eram eletrochoques, a palmatória e o afogamento.

2- Choque Elétrico

Choque Elétrico foi um dos métodos de tortura mais cruéis e largamente utilizados durante o regime militar. Geralmente, o choque dado através telefone de campanha do exército que possuía dois fios longos que eram ligados ao cor­po nu, normalmente nas partes sexuais, além dos ouvidos, dentes, língua e dedos. O acusado recebia descargas sucessivas, a ponto de cair no chão.

3- Pimentinha

Pimentinha era uma máquina que era constituída de uma caixa de madeira que, no seu interior, tinha um ímã permanente, no campo do qual girava um rotor combinado, de cujos termi­nais uma escova recolhia corrente elétrica que era conduzida através de fios. Essa máquina dava choques em torno de 100 volts no acusado.

4- Afogamento

No Afogamento, os torturadores fechavam as narinas do preso e colocavam uma mangueira, toalha molhada ou tubo de borracha dentro da boca do acusado para obrigá-lo a engolir água. Outro método era mergulhar a cabeça do torturado num balde, tanque ou tambor cheio de água (ou até fezes), forçando sua nuca para baixo até o limite do afogamento.

5- Cadeira do Dragão

Cadeira do Dragão era uma espécie de cadeira elétrica, onde os presos sentavam pelados numa cadeira revestida de zinco ligada a terminais elétricos. Quando o aparelho era ligado na eletricidade, o zinco transmitia choques a todo o corpo. Muitas vezes, os torturadores enfiavam na cabeça da vítima um balde de metal, onde também eram aplicados choques.

6- Geladeira

Na Geladeira, os presos ficavam pelados numa cela baixa e pequena, que os impedia de ficar de pé. Depois, os torturadores alternavam um sistema de refrigeração superfrio e um sistema de aquecimento que produzia calor insuportável, enquanto alto-falantes emitiam sons irritantes. Os presos ficavam na “geladeira” por vários dias, sem água ou comida.

7- Palmatória

Palmatória era como uma raquete de madeira, bem pesada. Geralmente, esta instrumento era utilizado em conjunto com outras formas de tortura, com o objetivo de aumentar o sofrimento do acusado. Com a palmatória, as vítimas eram agredidas em várias partes do corpo, principalmente em seus órgãos genitais.

8- Produtos Químicos

Haviam vários Produtos Químicos que eram comprovadamente utilizados como método de tortura. Para fazer o acusado confessar, era aplicado soro de pentatotal, substância que fazia a pessoa falar, em estado de sonolência. Em alguns casos, ácido era jogado no rosto da vítima, o que podia causar inchaço ou mesmo deformação permanente.

9- Agressões Físicas

Vários tipos de Agressões Físicas eram combinados às outras formas de tortura. Um dos mais cruéis era o popular “telefone”. Com as duas mãos em forma de concha, o torturador dava tapas ao mesmo tempo contra os dois ouvidos do preso. A técnica era tão brutal que podia romper os tímpanos do acusado e provocar surdez permanente.

10- Tortura Psicológica

De certa forma, falar de Tortura Psicológica é redundância, considerando que toda o tipo de tortura deixa marcas emocionais que podem durar a vida inteira. Porém, haviam formas de tortura que tinha o objetivo específico de provocar o medo, como ameaças e perseguições que geravam duplo efeito: fazer a vítima calar ou delatar conhecidos.

Compartilhe:

18 comentários

  1. josem maria filgueira pimenta disse:

    Faço parte da comissão da verdade estadual, quero fazer um relatorio sobre a ditadura nos correios do Amazonas nos anos 80, ja no final, aqui houve perseguições creio que houve ditadura psicologica. Quero provar que aqui nessa empresa tambem teve ditadura.
    Voces tem algum documento sobre esse tipo de tortura, se tiver,agradeço.
    Só no Brasil que os torturadores tem o privilegio de andarem soltos e ainda terem a audacia de comemorar, me outros paises eles não tem moleza, todos devem ser punidos pelo crime que cometeram.

  2. JOSEFINA VIEIRA RONCADA disse:

    TENHO VISTO PESSOAS DA ÉPOCA DOS MILITARES DEFENDEREM O REGIME,NAS REDES SOCIAIS NÃO ACHA QUE DEVERIAM TRAZER ESTAS FOTOS ATONA AFIM DE QUE SE CONSCIENCIZEM QUE FORAM ANOS DE TREVAS PARA AS MASSAS POPULARES?

  3. berenice silva disse:

    mtooo tensoo eem!

  4. Decco disse:

    Srs. Não sou a favor da ditadura, mas não houveram atrocidades de ambos os lados?

  5. luiz disse:

    A imunidade desses crimes é um absurdo, a falsa legalidade dada pelos atos institucionais não pode proteger esses criminosos nefastos e desumanos. Não há legalidade em regras de um governo que se iniciara de forma totalmente ilegal, à margem de qualquer regra do Estado Democrático de Direito. Isso é mais evidente a partir de que os perseguidos eram, exatamente, os defensores da real legalidade. Os que já estão habitando no inferno, que sejam punidos por Deus, mas os que ainda se encontram convivendo entre nós, que tenham a sua devida punição como criminosos que são.

  6. Tereza A. Almeida disse:

    Essa foi uma época obscura da história deste País. Foi tal qual ou pior do que o nazismo e as tortura da igreja católica com a inquisição romana. Foi terrível,muitas vidas se perderam, por não poder expressar sua opinião, seu ideal político,foi muito triste.Brasil Nunca Mais.

  7. Geraldo Magela Gouveia disse:

    Ah!!!! Isso deu bons resultados: Entrou bandido, vagabunda, ladrão, assassino e hoje eles são presidentes, deputados chefes de partidos senadores etc. Realmente um pouquinho de tortura levou-os a um bom caminho.

  8. Geraldo Magela Gouveia disse:

    Isso deu bons resultados: Entrou bandido, vagabunda, ladrão, assassino e hoje eles são presidentes, deputados chefes de partidos senadores etc. Realmente um pouquinho de tortura levou-os a um bom caminho.

  9. Isabella dos Santos disse:

    A ditadura militar pode até ser comparada com o nazismo.

  10. Ricardo Colossi disse:

    10 de janeiro às 20:56 •
    Hoje uma vitima do Tortura, me confidenciou, alguns fatos de Torturas após a Democracia a partir de 1985. Com a Entrada do Exº Presidente Sr. Jose Sarney.
    Foi é e esta sendo Uma tortura de forma Continuada e de forma Psicológica continua em pleno vigor no Período Democrático iniciado em 1985, a Tortura da VITIMA começou em 1991 até o presente momento de 30 de dezembro 2014, levando-se em conta que a esta tortura, deve ser somado mais um ano parar para ter sido formulada, isto levando em conta que a mesma já tenha sido formulada nos velhos manuais da CIA. A Vitima Por muita persistência de alguns órgãos internacionais e nacionais, informando inclusive que a Democracia se tornaria mais arejada, a Vitima resolveu contar mais um trecho da sua Tortura Psicológica, observando que em 1991, o Brasil, com o então Presidente da República Fernando Collor de Mello, assinou a Convenção Internacional contra a tortura e outros tratamentos ou penas cruéis, desumanos ou degradantes. Portanto os antigos Octogenários Torturadores , a lei Talvez os proteja, não posso comentar a respeito porque sou apenas um leigo, porém, os Herdeiros dos antigos Octogenários Torturadores estão em plena vigor. Vamos direto ao assunto, uma vitima trabalhava em uma empresa, com mais ou menos 250 funcionários, no final do 1º Expediente, a vitima já com 20 anos de trabalhos no inicio dos anos 90 ia para o refeitório almoçar, o refeitório era constituído por umas 20 mesas no salao com 10 cadeiras sendo 5 em cada lado, e a vitima já sentava na cadeira onde diversos amigos sentavam na mesma mesa, para conversar coisas amenas, certo dia ele observou que na mesa só estava ele daquele turma, todos os outros estavam em outras mesas, a Vitima achou estranho sentou ao lado dele apenas alguns funcionários desconhecidos que nada tinham nada a ver com as conversas entre amigos, no outro dia a mesma coisa, porém com outra novidades, os funcionários desconhecidos não sentaram mais na mesa, a Vitima observou incrédulo que estava só ele naquele mesa, sozinho e as outras 19 mesas todas cheias, todos conversando muito animados como se nada tivesse acontecendo ,e a Vitima sozinho com pensamentos íntimos e dramáticos, pois já conhecia os trabalhos da Empresa e já antevendo o que estava acontecendo, continuou sozinho, tentou falar com outros antigo amigos, esses sempre apressado, não tinham tempo para ouvi-lo, eles podia nao querer ouvi-lo, tudo bem ninguém quer falar com a vitima este não poderia obrigar ninguém a falar com ele, mais o mais dramático, foi quando ele chega em casa vindo do Trabalho em um Sábado e entra pela a Portaria do Prédio e ver as crianças dos vizinhos brincando na entrada do Prédio, ele sobe fala com com sua Esposa, e fala para ela, mandar os filhos brincar com as crianças que estãvam lá embaixo na Portaria, ela responde a esposa responde que as crianças não queriam brincar com eles, o que não acontecia antes, pois as crianças sempre estavam juntas, mas assim mesmo os filhos da vitima desceram, passou 5 minutos subiram os filhos da vitima. A Vitima pergunta, filhos vocês subiram porque? Pai é porque, todas as crianças disseram que tinha que ia merendar, então foi quando desabou o mundo sobre a cabeça da vitima, o isolamento tinha chegado até a família dele, somente agora foi que a vitima teve a sensação o que sentiu o Cidadão que tinha ideologia de esquerda, lembrando que a Vitima não tinha nenhuma ideologia seja de esquerda seja ou de direita, matizes de ideologia não pairava sobre aquela vitima, todos que moravam na rua em que a vitima residia fugiam dele como se tivesse uma moléstia contagiosa, portanto os Herdeiros torturadores, cometeram outro crime ao fazer justiça com as próprias mãos, o que já era natural para eles. Lembrando a vitima, que esse é apenas um pequeno trecho de umas 1000 paginas, de um livro de Horrores. Lembrando ainda que essas torturas foram após o Brasil assinar Tratados e Convenções contra a Tortura dos quais é consignatária. Quais são os crimes em espécie regulados pelo artigo 1º da Lei nº 9.455/97, como o crime é consumado, quem são os seus sujeitos, dentre outras. Observação: Os filhos da Vitima cresceram se tornaram adultos sem ter um amigo de infância no bairro em que a vitima morava, cresceram isolados junto com a vitima e a mulher da vitima, Hoje a vitima deve saber os horrores que os cidadão de ideologia esquerdista passaram vendo seus filhos sendo torturado. A Vitima sente HOJE Vergonha em dizer que esta sendo Torturado face as torturas de pau de arara, cadeira do dragão, pimentinha, Hoje, sente vergonha dessa Empresa a mesma vergonha que sentiu a Srª . Vernina da Petrobras. A vitima sente tambem vergonha em dizer que estou sendo torturado pelo o que passou os nossos Brasileiros pelas mais crueis Torturas
    porém com uma Diferença a Tortura Psicológica não deixa Marcas visíveis, deixa Apenas Marcas nas suas entranhas no mais profundo do seu ser. Aguardem que certamente com o desenrolar da situação a Vitima se aprofundará melhor nos assunto pertinente a Tortura Psicologica moderna..
    Hoje tornei a faler, novamente com a Vitima da Tortura Psicológica. A vitima que sofre até hoje Torturas de nível médio, por arrogância e vaidade do seu diretor para demonstração de PODER e FORÇA , quando Civis inocentes uteis, participam da sua Perversão: Mas continuando com o Recrutamento. Falando com a Vitima ele me deu mais uns dados, sobre o Recrutamento que essa Organização tinha para com os futuro recrutado, eles tinha que ter determinada Característica psíquicas muito especificas. ou seja, dificilmente alguém que não tivesse o extinto sádico em seu psiquismo, o desvio de conduta moral, aceitaria ocupar esse posto. Continuando com as informações da Vitima, depois de feito esse recrutamento, os mesmo iam fazer um Curso em Brasília, Capital Federal do Brasil, em um Setor destinado especificamente a esta finalidade, dependendo da finalidade de tal curso, o recrutado ia para Brasília com Transporte e Diárias pagas, passava uma semana ou meses se preparando para exercer as funções a ele destinado, Alguns vezes o recrutado era escolhido para trabalhos burocráticos, ou seja manipular Documentos Taxados de Ostensivos, Confidenciais, Secretos ou até mesmo Ultra Secretos, Dependendo do que o Editor do Documentos taxasse o referido assunto, Outros eram recrutados dependendo da sua característica Moral para trabalhos Sujos, como Cooptar Porteiros de Prédios para ficar vigiando a Vitima. Nós sabíamos de todos esses recrutamentos porque esses documentos passavam em nossas mãos embora não fossemos da Organização. Sabíamos que o Funcionário estava sendo recrutado porque passava por nossas mãos os E-mail com Mensagem Cifrada, EX: Apresentar o Funcionario Mané, na Empresa de Brasília fins cumprir Curso de 3 meses referente ao Curso Impresarinst-10, era verificar o livro com o titulo impresarints e verificar o que significava o Nº 10 Curso de Serviço de Inteligência. Acordo informação da Vitima para a informação ser mais precisas e mais confiáveis, chegaram ao cumulo de colocar como Porteira a própria irmã da Subsíndica.. Aqui termino e continuem aguardando os relatos que tenho certeza que a Vitima confessará fatos que vão nos surpreender.
    Hoje vou postar mais uma vez alguns comentários que tive com a Vitimar de Tortura Psicologica.
    No dia 16 de Janeiro de 2015, falei com meu amigo Vitima de tortura, e ele me convidou para ir visitar uma amiga de sua Mãe que eram muito amigas, e de lá iriamos beber umas cervejas, apesar de ser uma Segunda-Feira, dia nada agradável para trabalhar, mas tanto ele como eu, somos aposentados e Idosos, o que a Empresa que esta torturando meu amigo não tem o mínimo respeito pelas Leis que ampara os idosos, por ter certeza que nesse país a Impunidade prevalece e nada acontecerá a eles.
    Fomos ao Bairro onde a Mãe dele morava, em Thomaz Coelho, antes de chegar à Casa da amiga da Mãe dele, resolvemos parar em um bar, bebemos uma Garrafa de Cerveja, pedimos outra, até aí estava tudo, bem, eis que de repente entra um individuo tipo Segurança no bar e senta no balcão ao nosso lado, o meu amigo vitima amarelou, nos afastamos um pouco, e ele me contou que aquele individuo fez ele relembrar todas torturas que passou por esses anos todos.
    Apesar de sua medos tudo ficou claro para ele como num passe de magica, Eu perguntei como assim?. O que você esta querendo me falar, ele descreveu comparando a época de 1964 com os dias de hoje, que os Octogenários Torturadores ou os próprios Socialista de Extrema Esquerda, chamavam um grupo de indivíduos que participava de determinada atividades, de Aparelhos era mais ou menos assim, não vamos detalhar nem reviver os dias anteriores vamos falar da época atual, então ele denominou esse individuo como participante de uma célula ou talvez fosse um próprio agente de tortura, e ele me pediu para que eu observasse o que iria acontece dali em diante, o Individuo pegou seu celular falou por alguns minuto com outra pessoa pelo o Celular, e não deu outra, após 15 minutos chega a Célula completa de indivíduos sentando-se no balcão junto com o outro que já estava no bar, falei para meu amigo vitima, que não se preocupasse passaríamos a filmar e gravar o que estava se passando naqueles momentos. Após passar meia hora se tornou insuportáveis nossa permanência naquele bar por motivos das provocações.
    Resolvi traze-lo de volta para sua Casa.
    Observação: Essa Empresa tenha feito um dossiê de todos os lugares que a vitima frequentava, e em cada local, deixava uma Célula de Indivíduos exemplarmente instruídos, usando para isso os moradores locais como Inocentes Uteis, para agir em suas vinganças pessoais caso a Vitima aparecesse por lá, esse fato faz lembrar quando os próprios vizinhos denunciava outro vizinho que eles achavam que era SOCIALISTA. Quer dizer para a vitima nos dias de hoje a tortura é ainda constante. Feito pela a Empresa de Extrema Direita.
    ricardocolossi@gmail.com

  11. OI KERIDOS, ADOREI A PESQUISA, ESTOU DANDO PARA O PROFESSOR DE HISTORIA SUPER GOSTOSOOOOOO, AMO, UM BEIJOOSSSSSSSSSSSSS

  12. Vera disse:

    O pouco que me lembro dessa época era que tinha que respeitar policiais , a tv era censurada as músicas também como nasci em 72 lembro muito pouco .mas nas escolas o professores eram respeitados a palavra de nossos pais eram lei que posso dizer que todas as pessoas se respeitava uma a outra existia confiança na palavra .

  13. marisa disse:

    Tortura Psicotronica no Brasil
    Organização criminosa em Porto Alegre utiliza dispositivo de envio de voz para o crânio humano para torturar pessoas, o equipamento permite a escuta e o monitoramento dos pensamentos e a transmissão de sons da fala para o cérebro da vítima. Os criminosos utilizam uma conexão através de micro – ondas invisível com os cérebros das pessoas, proporcionando o acompanhamento constante e vigilância silenciosa. Eles podem ouvir o que ouvimos, vemos e até mesmo ler nossos pensamentos, vigilância total de qualquer um, em qualquer lugar do país. Esta arma está sendo usado como instrumento de tortura não rastreável e arma não letal. Ao interagir com o cérebro, os operadores podem transmitir sons inexplicáveis, vozes, imagens, cheiros e gostos, e causar numerosas dores e sensações por todo o corpo. Estas incluem a sensação de corrente elétrica e as vibrações zumbido nos ouvidos sensação de clicks intracraniano. As vítimas são submetidas a privação do sono e intensa tortura física e psicológica em uma tentativa de empurrá los ao suicídio ou violência. Exausto desorientado e apenas tentando sobreviver a tortura, as vítimas são extremamente vulneráveis a qualquer coisa. Esse aparelho de perseguição organizada está sendo usado contra cidadãos brasileiros desde a década de 1980 e tem a capacidade de acompanhar, monitorar, assediar e ameaçar pessoas em todo o país. Seus números e enorme alcance sugerem o envolvimento do governo e de financiamento de ricos empresários possivelmente com o aparato de segurança interna com ligações com o crime organizado.
    Gang vigilância stalking é uma forma de terrorismo e é utilizado para reduzir a qualidade de vida de uma pessoa, assim o alvo poderá ter um colapso nervoso, tornar se encarcerado institucionalizado a experiência de dor mental emocional ou física constante, tornar sem teto ou cometer suicídio. Ele é feito usando acusações bem orquestradas, mentiras, rumores investigações falsas enquadramento intimidação ameaças abertas ou veladas vandalismo furto sabotagem e tortura humilhação terror emocional e assédio em geral, é um sistema criminoso destrutivo construído sobre o engano que existe para servir as intenções de alguns que estão conscientes de todo o horror que a vítima é obrigada a aguentar. Esse tipo de crime é realizado por sociedades secretas criminosas, como essa a que me refiro que está agindo no Sul do país utiliza dispositivo de envio de voz para o crânio humano para torturar suas vítimas.

  14. Marcello disse:

    Todos estes tipos de torturas existem no sistema democrático , socialista e comunista . Nao defendo a tortura . Mas afirmar que isto só acontecia na época em que vivíamos no sistema de governo militares e uma grande ilusão . Agora afirmar que tínhamos mais segurança , empregos , educação , saúde e respeito , basta comparar as estatísticas .

Deixe um comentário

Todos os campos sinalizados (*) são obrigatórios